18 de ago de 2011

Trivium - In Waves (2011)


Banda: Trivium
Album: In Waves
Lançamento: 2011

IIIIN WAAAAAVES!!! É com esse grito berro de guerra que começa a audição do album que pra mim é o melhor do ano até agora, Trivium volta depois de 3 anos com o sucessor do foderoso Shogun de 2008.   A energia da banda é diferente, mais madura e talvez experimental do que antes.

Realmente quando Matt disse que o novo batera salvou a banda ele estava certo, o cara é um monstro. Escute "Inception Of The End" e tente não ficar pasmo ao escutar suas incríveis Blast Beats em passagens melancólicas incríveis !!

"Dusk Dismantled", "Drowning In Slow Motion" e "Chaos Reigns" são as mais pesadas, com mais berros que todas as outras, até que são boas faixas, porém berros demais enjoam...

"Watch The World Burn""Black", e "Built To Fall" mostram a nova cara da banda, menos berros, refrões mais trabalhados e uma certa pegada heavy que fica bem clara nas duas últimas citadas.

A banda também mostra faixas mais complexas com mudanças no andamento como "A Skyline's Severance" e "Caustic Are The Ties That Bind", essa última com uma belíssima passagem melódica das guitarras e por falar em guitarras eu não vou nem comentar sobre os solos... Quem conhece Trivium sabe que a dupla Matt e Corey é insana quando se fala em solos, mais uma vez eles destroem tudo.

As faixas mais melódicas que seguem bem a linha do Melodic Metalcore são "Forsake Not The Dream" que conta com um belo refrão e um ótimo trabalho das guitarras tanto nos riffs quanto nos solos. "A Grey So Dark" é a mais melódica de todas, bate de frente com a clássica "Dying In Your Arms" do album Ascendancy de 2005, melódica ao extremo com um belo solo no meio.

Apesar de todas essas faixas matadoras a que mais me surpreendeu depois das Blast Beats de "Inception Of The End" foi "Of All These Yesterdays" que começa como uma balada que depois ganha peso sem quebrar o clima, ótima faixa.

Por mais que muitos odeiem adimitir Trivum é um dos novos gigantes do metal, só mesmo muito mente fechada pra não adimitir isso depois de uma discografia impecável como a deles. Por enquanto esse é o número um da minha lista de 2011.

Tracklist:
1."Capsizing the Sea" 1:30
2."In Waves" 5:02
3."Inception of the End" 3:48
4."Dusk Dismantled" 3:47
5."Watch the World Burn" 4:53
6."Black" 3:27
7."A Skyline's Severance" 4:52
8."Ensnare the Sun" 1:22
9."Built to Fall" 3:08
10."Caustic Are the Ties That Bind" 5:34
11."Forsake Not the Dream" 5:20
12."Drowning in Slow Motion" 4:29
13."A Grey So Dark" 2:41
14."Chaos Reigns" 4:07
15."Of All These Yesterdays" 4:21
16."Leaving This World Behind" 1:32
17."Shattering the Skies Above" 4:45
18."Slave New World" 2:58
NOTA: 9

2 comentários:

  1. Kara, nao ouvi esse ainda. Mas pra mim o Shogun é um classico quase que insuperavel. Algumas passagens de guitarra desse album(principalmente na faixa titulo) chegam a beirar o progressivo, e o grande destaque pra mim é esse vocalista q canta pra caralho

    ResponderExcluir
  2. cara com certeza shogun é inigualável, não da pra comparar ele com o in waves, são bem diferentes os 2 cd's, e com certeza a faixa shogun é insana!!!

    ResponderExcluir