17 de dez de 2010

After Forever


Membros Finais

Floor Jansen:  Ela era a vocalista soprano da banda, e ela foi responsável por boa parte das composições dos dois primeiros disco junto com o seu irmão Mark Jansen.   Floor em 2009 optou por formar o Revamp ao invés de seguir carreira solo.

Sander Gommans:  Ele era o guitarrista, e o cara que fazia os vocais guturais desde do primeiro disco, onde ele e Mark dividem essa função.  ele e um dos membro originais do After Forever.  após a saída  de Mark Jansen ele ficou responsável pelos vocais guturais e as composições da banda.

Bass Mass:  Quando o Guitarrista Mark Jansen saiu da banda Bass Mass foi convidado para substitui-lo.  Ele também era responsável pelos vocais limpos.

Lukk van Gerven:  Ele foi o baixista do After Forever, e ele um dos membros da formação inicial.

Joost van den Broek:  Ele foi o terceiro tecladista do After Forever gravando Remagine e After Forever.

Andre Borgman:  Foi o segundo baterista do After Forever.


Ex-Membros

Mark Jansen:  Ele foi o guitarrista do After forever entre 1995 até 2002 saindo da banda de forma pacifica devido a divergências musicas, já que os outros membros queriam que o After Forever fosse mais Heavy Metal e menos Sinfónico.

Joep Beckers:  Foi o primeiro baterista do After Forever gravando as duas primeiras demos e o álbum Prision of Desire.

Jack Driessen:  Ele foi o primeiro tecladista do After Forever e gravou as duas primeiras demos e o álbum Prision of Desire

Landon van Gills:  ele foi segundo tecladista do After Forever e gravou todos os discos do After entre 2001-2004.


Discos Indicados


                           


Prision Of Desire:   No primeiro disco do After a banda mostra uma evolução e produção melhor do que nas demos que a antecederam.  Nesse disco as orquestrações e o teclado se mostram mais importantes do que os riffs de guitarra que aparecem bem pouco.  O vocal de Floor Jansen nesse disco soa bem bonito e atmosférico, Floor também alcança notas bem altas que se destacavam pela beleza do timbre.  os destaques desse disco são Leaden Legacy, Semblance Of Confusion e a bela Beyond Me que conta com a participação da Sharon den adel do Within Temptation.

Decipher:  O segundo disco do After Forever se apresenta ainda melhor do que o trabalho anterior, um exemplo da melhora pode ser o riffs de guitarra que ficaram bem melhores nesse disco apesar da falta de solos.  os vocais da Floor Jansen continuam espetaculares, e ainda há uma melhora dos vocais guturais de Jansen e Sander.  o disco possui otimas canções como Monolith of Doubt, Emphasis, Zenith e os dois My Pledge Of Allegiance.

Invisible Circles:  E o primeiro disco do After Forever sem Mark Jansen, e apresenta um After Forever mais pesado, mas mantendo as orquestrações que eram tão importantes em discos anteriores. O vocal da Floor Jansen dispensa comentarios ela talvez seja a vocalista que melhor consegue adaptar o canto lírico ao Heavy Metal.  todas as faixas são boas com exceção da faixa intro do disco que e bem chatinha.

Obs: vou falar mais do vocal da Floor Jansen quando eu postar sobre ela.


Estilo

O After Forever era para ser uma banda de Death Metal com os vocais de Sander Gommans e Mark Jansen, mas após a entrada da Floor a banda mudou sua sonoridade para se adequar ao vocal dela.  Mark Jansen e responsável por boa parte das orquestrações dos dois primeiros discos: Prision of Desire e Decipher.   Após a saída de Mark Jansen o After Forever começa a mudar aos poucos sua sonoridade para algo mais Heavy, mas sem abandonar as orquestrações e os vocais soprano da Floor que conseguiu se encaixar muito bem nessa nova sonoridade.


Lendas são Imortais

                                                                                                         

2 comentários:

  1. gostaria q vc fizesse um post sobre a Floor ,assim vc poderia citar tbm o revamp além de falar mais sobre ela.

    ResponderExcluir
  2. vou realizar seu desejo. já estava nos planos fazer um post sobre a Floor

    ResponderExcluir